Food Connection faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Inovação em equipamentos para cozinha industrial

Inovação em equipamentos para cozinha industrial.jpg
Veja quais são as mais recentes novidades e as tendências em inovação para equipamentos de cozinha industrial.

O mundo em que vivemos está em plena transformação digital e as novidades tecnológicas avançam rapidamente em todos os setores. As indústrias de alimentos e bebidas e os restaurantes que não quiserem ficar para trás precisam acompanhar as inovações da cozinha industrial para ter resultados mais positivos em suas produções.

As empresas do segmento de equipamentos para cozinha industrial estão de olho nas novas tecnologias para lançar os seus produtos. É o caso da Tramontina, que já oferece novidades nesse segmento, como afirma o diretor Darci Friebel.

Friebel acompanha de perto as novidades e compartilhou com o Food Connection quais são as tendências do momento e o que deve despontar nos próximos anos.

 

Inovação na cozinha industrial: confira as novidades do setor

Na visão de Friebel, as principais inovações na cozinha industrial estão relacionadas aos instrumentos e aos equipamentos capazes de simplificar o dia a dia do cozinheiro. Nesse sentido, tecnologias como a internet estão cada vez mais presentes na cozinha.

“Fornos ultravelozes e compactos, módulos com tecnologia ultrassônica e robôs de cozinha com ampla conectividade, seja de operação ou de compartilhamento de informações, são exemplos de itens inovadores”, exemplifica o diretor da Tramontina.

No que se refere ao compartilhamento de informações realizado pelos aparelhos, o executivo diz que “será diretamente para o cliente final, de modo que este estará mais interessado nos processos, desde o alimento, até a sustentabilidade de tais operações de cozinha”.

Ultrassom, bluetooth, indução, sensores e aplicativos que trazem a informação em tempo real sobre as alterações que os alimentos estão sofrendo dentro do processo são apontados por Friebel como tendências de novas tecnologias para a cozinha industrial no futuro.

Ele também acredita que as novas tecnologias prezem cada vez mais pela saudabilidade e a sanitização de todos os tipos de alimentos, juntamente com a produtividade no preparo deles. A esse conceito, Friebel dá o nome de Smart Diet.

“Com o conceito da Smart Diet, a tecnologia permitirá que os consumidores desenvolvam abordagens hiper individualizadas para a saúde física e mental. Para auxiliar nesse processo, as cozinhas deverão ter equipamentos que auxiliem na produção e segurança alimentar. Por exemplo, hoje já temos, na Tramontina, um portfólio de produtos como fornos combinados e ultracongeladores, que trazem o maior nível de tecnologias para este aspecto de manipulação, gerando benefícios tanto para os operadores quanto para o consumidor final”, conta o diretor da Tramontina.

Ainda na visão do executivo, equipamentos como fornos combinados e ultracongeladores podem trazer um alto nível de precisão nas temperaturas de trabalho, elevando o nível de segurança alimentar, eficiência e produtividade em cozinhas compactas ou com grande volume de produção.

 

LEIA MAIS:

Transformação digital: cozinhando na nuvem

IoT na cozinha: como a tecnologia pode ajudar a gastronomia

Como montar uma cozinha profissional com qualidade

Conheça as máquinas de automação para cozinha profissional

White Paper: Forno inteligente

 

 

Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar