Food Connection faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Estabelecimentos inovam para atender em meio à pandemia

atendimento durante a pandemia.png
Padarias e restaurantes vão além dos protocolos básicos de seguram e adotam medidas criativas para atender os clientes

Aferição de temperatura, higienização com álcool gel e distanciamento entre as mesas. Essas são algumas das medidas que fazem parte do protocolo básico de segurança, que deve ser adotado durante a pandemia da Covid-19. Mas estabelecimentos, como padarias e restaurantes, foram além para que seus clientes se sentissem ainda mais seguros. E soltaram a criatividade para isso!

Para comprar o pão com segurança

A padaria Bella Paulista, em São Paulo, já havia adotado o protocolo de higienização. Mas, para garantir mesmo o distanciamento entre clientes e funcionários, instalou barreiras de acrílico entre os caixas e as mesas. O estabelecimento - que sofreu com a queda do público em 2020 - percebeu que os clientes se sentiram mais seguros em frequentar o salão. 

Bella Paulista.jpeg"No começo da pandemia, havíamos adotado as medidas básicas, como o distanciamento de um metro e meio entre os clientes", comenta o gerente Emerson dos Santos. "Depois, criamos outras medidas. Além das barreiras de acrílico, os garçons passaram a usar máscara de pano, máscara de acrílico e luvas cirúrgicas na hora do atendimento".

Segundo Santos, as medidas extras de segurança já cativam o cliente no momento em que ele entra na padaria. "Tudo isso deixa muito claro que estamos seguindo as normas de distanciamento, o que faz com que o cliente se sinta mais seguro. Com isso, ele certamente vai voltar à padaria mais vezes".

O treinamento da equipe também é um ponto crucial. Na Bella Paulista, os funcionários advertem, com educação, os clientes que se recusam ou se esquecem de usar suas máscaras. "Às vezes, o cliente está sentado na mesa, levanta para ir ao banheiro e não coloca a máscara. Ou vai até a bancada de doces sem a máscara", conta Santos. "Nós pedimos sutilmente para que coloque a proteção. Alguns não gostam, reclamam... mas, enfim, não pode. Insistimos com educação, porque é para o bem de todos".

Distanciamento e decoração

O restaurante Bistrot de Paris, do chef Alain Polleto, foi outro estabelecimento que usou a criatividade na hora de garantir a segurança da clientela.

Para assegurar o distanciamento entre as mesas do salão, a equipe colocou vasos de plantas nos lugares que não podem ser ocupados pelos clientes. Uma saída criativa e que ainda dá um toque a mais na decoração do restaurante.

O álcool também é um grande aliado do estabelecimento francês. Além de ser usado na limpeza de jogos americanos, pratos, talheres e cardápios, ele está em estações de higienização, distribuídas a cada duas mesas. É ali que os garçons já fazem a limpeza de taças, talheres e pratos, antes de cada atendimento.

"Os funcionários se adaptaram muito bem às novas medidas", afirma o chef Alain Polleto. "E notamos que os clientes se sentem tranquilos aqui no restaurante. "Conseguimos oferecer um espaço seguro e ao mesmo tempo prazeroso a eles, sem a sensação de aglomeração, abrindo também a área do terraço".

Novos cardápios

Não é mais possível ficar passando o cardápio de mãos em mãos - isso pode ser um grande vetor para a disseminação do novo coronavírus. Os menus, portanto, precisaram ser adaptados.

O restaurante Aprazível, no Rio de Janeiro, por exemplo, embalou seus menus em capas plásticas. O material facilita a higienização com álcool gel. Antes e depois de cada uso, um funcionário garante a limpeza do cardápio.

Outros restaurantes optaram por dispensar o menu físico e disponibilizar um QR Code. Com seu smartphone, o cliente acessa os pratos disponíveis. Foi o caso do Varanda Grill, em São Paulo, e do próprio Bistrot de Paris, que ainda incentivam seus clientes a pagarem a conta direto pelo celular. Assim, não é necessário entregar fisicamente a lista dos pratos consumidos ao final do atendimento.

Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar