Food Connection faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

O metaverso das embalagens interativas

O metaverso das embalagens interativas.jpg
A camada virtual aplicada na embalagem deixou de ser uma ação pontual da marca para se tornar uma característica permanente da embalagem.

Em janeiro deste ano, no meu primeiro artigo para o Food Connection, eu dizia que 2021 seria o ano da embalagem interativa. O que era perspectiva com base em alguns movimentos de marca se consolidou na gôndola.

Marcas como P&G, Reckitt, Unilever, e muitas outras, transformaram embalagens de produtos icônicos, como o Caldo Knorr, em embalagens interativas, inteligentes e prontas para promover ótimas experiências de consumo.

A camada virtual aplicada na embalagem deixou de ser uma ação pontual da marca para se tornar uma característica permanente, que permite atualizações constantes para acompanhar a estratégia de comunicação da marca.

Isso significa ter embalagens sempre atuais, seja para integrar promoções, gamificar a experiência do consumidor ou reforçar valores institucionais da marca.

Permanente também porque entrega um monitoramento completo de dados de acesso, áreas mais clicadas, conteúdos mais desejados e o grau de magnetismo do ambiente virtual aplicado na embalagem.

Agora que o 5G já é uma realidade bem mais próxima dos brasileiros, as embalagens interativas se tornam ainda mais atrativas e valiosas, pois em poucos segundos será possível mergulhar no universo de marcas e produtos de uma forma jamais imaginada.

O que vem por aí em 2022? Será que teremos um metaverso para conectar embalagens e consumidores? Eu te conto mais no próximo artigo.

Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar