Food Connection faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Os desafios da digitalização na indústria de alimentos

20210719_Os desafios da digitalização na indústria de alimentos.jpg
A digitalização na indústria de alimentos deixou de ser uma questão de escolha para se tornar uma necessidade. Saiba mais neste artigo!

Assim como ocorre em outras áreas, há grande expectativa por parte do mercado e dos clientes no que se refere à digitalização na indústria de alimentos. Afinal, estamos falando de um setor que é essencial para a vida das pessoas, além de movimentar a economia de muitos países.

O Brasil, por exemplo, é considerado uma potência nesse segmento, tendo em vista que exporta alimentos e bebidas para mais de 180 países do mundo, conforme mostram dados da Associação Brasileira da Indústria de Alimentos (ABIA).

Conversamos sobre o atual momento e tendências da digitalização na indústria de alimentos com a Mônica Lobenschuss, que é empresária e professora do MBA em Gestão Estratégica de Negócios do Centro Universitário FIAP. Acompanhe, a seguir!

 

A situação atual da digitalização na indústria de alimentos

Lobenschuss acredita que tornar as operações digitais não é mais uma questão de escolha, mas sim de sustentabilidade para a indústria de alimentos.

“Quem não fizer a sua transformação digital, continuará perdendo dinheiro e oportunidades de negócios”, sintetiza a professora da FIAP.

Lobenschuss também lembra que, de acordo com a Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO), a população mundial precisará de mais 70% de alimentos e bebidas até 2025.

Ao mesmo passo, a empresária também traz dados da ABIA, que apontam que 60% dos desperdícios na indústria de alimentos acontecem da produção ao varejo.

Observando esses cenários, Lobenschuss vê na digitalização um caminho para aproveitar ao máximo as oportunidades, ao mesmo tempo em que se corrigem falhas no processo produtivo.

“Hoje, vemos possibilidades de trazer novas opções de customização na indústria para atender às mudanças no comportamento de consumo”, exemplifica.

 

A tecnologia na indústria de alimentos como meio de inovação para o segmento

De acordo com Lobenschuss, ao trazer a cultura digital para a indústria de alimentos, é possível ter um maior controle, geração de dados e gestão baseada em informações precisas dentro da operação e do mercado.

A professora explica: “A transformação digital vai desde a linha de produção, que pode se beneficiar de recursos de IoT (Internet das Coisas) e de robotização, até a gestão, que pode incluir softwares e equipamentos para medir, coletar e tratar dados que irão ajudar a entender pontos de perda e oportunidades de melhorias, com agilidade, em tempo real”.

E complementa: “Isso sem falar nas áreas de marketing e vendas, que podem usar plataformas tecnológicas de mercado para fortalecer a marca junto aos clientes, captar potenciais interessados, fazer a conversão comercial e todo programa de fidelização, visualizando o custo de aquisição de cada cliente, a sua contribuição no faturamento do negócio, mídias com mais retorno e outras informações estratégias que estão transformando o mercado de alimentos.”

 

Tendências de inovação da indústria de alimentos

Questionada sobre as tendências da digitalização na indústria de alimentos para os próximos anos, Lobenschuss comenta que as empresas do segmento deverão ampliar muito os projetos de transformação digital e adotar novas tecnologias, que vão desde o RPA (robotic process automation) e machine learning a iniciativas com Inteligência Artificial, por exemplo.

“Para se preparar para esse cenário e acelerar as mudanças, respeitando a cultura da empresa, é importante trazer a inovação para o negócio e para o dia a dia da indústria, que pode contar com consultorias de inovação e transformação digital para ajudar a identificar os principais desafios, definir prioridades e desenvolver o mapa de digitalização do negócio, de forma escalonada e sustentável”, orienta a empresária.

Seu negócio está pronto para inovar e se tornar um case de sucesso da digitalização da indústria de alimentos? Esperamos que este conteúdo ajude a refletir sobre isso.

 

Programe-se para o FOOD INDUSTRY WEEK:  O Futuro da Indústria de Alimentos, Proteínas, Bebidas e Embalagens: De 04 a 08 de Outubro de 2021. Mais informações no site: www.fispaltecnologia.com.br

 

Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar