Food Connection faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Expectativa pela vacina aquece mercado de sorvetes

indústria de sorvete.png
Case de sucesso mostra a importância em inovar e estar de olho nas oportunidades de reaquecimento do mercado

Desde meados de março de 2020, o mercado alimentício vem sofrendo com a pandemia do novo coronavírus. Mas a expectativa pela chegada da vacina começa a mudar esse cenário. A indústria dos sorvetes é uma das que já demonstra reação. Tanto é assim que a Perfetto Alimentos, uma reconhecida marca no mercado, firmou parceria com a Lowko, startup de sorvetes de baixa caloria. Funcionará assim: a Lowko vai expandir para novos mercados usando a estrutura operacional da Perfetto.

E as projeções são boas. A Perfetto teve faturamento de R$ 175 milhões em 2020 e estima alcançar R$ 225 milhões no fim desse ano, o que representaria um crescimento de 15%. 

Com a nova parceria, a Perfetto vai produzir e distribuir os sorvetes da Lowko em seus pontos de venda. A Lowko, por sua vez, mantém o controle e gestão da empresa, além de sua autonomia para construir uma cultura própria. A empresa também passará a distribuir em regiões e cidades que demoraria anos para conseguir viabilizar e conseguirá uma boa economia na compra de insumos, usando a força comercial da Perfetto. "O consumidor Lowko poderá ver os produtos em mais regiões mais rapidamente, com qualidade e segurança respaldadas pela estrutura industrial da Perfetto, uma das mais avançadas do país", comenta Eduardo Dalcin, Gerente de Supply Chain na Perfetto Alimentos.

Oportunidades de inovação para a indústria de sorvetes

O momento que vivemos ainda é delicado: já há a perspectiva da vacina, mas a pandemia da Covid-19 ainda não acabou. Ainda assim, Dalcin acredita que seja a hora certa para investir e expandir. "Crises também são ótimos momentos para se pensar em oportunidades. Independentemente da pandemia continuar ou não, as pessoas ainda precisam buscar alimentos – e não apenas os básicos, mas também aqueles que proporcionam algum tipo de satisfação, como é o caso do sorvete", diz. "Em paralelo, a crise sanitária também reforçou nos consumidores a percepção de buscar hábitos mais saudáveis. Isso envolve, é claro, a procura por produtos zero açúcar e com menos calorias. Portanto, a questão não é investir ou não, mas no quê investir."

Do outro lado, a Lowko também acredita no crescimento em 2021, apesar da pandemia. "A empresa registrou crescimento acima dos 200%, de 2019 para 2020, e espera um percentual igual ou maior para 2021, em virtude da nova parceria", afirma Rodrigo Studart, fundador e CEO da startup. "[A startup] faturou cerca de R$ 2 milhões em 2019, primeiro ano de operação, e passou de R$ 5 milhões em 2020. A expectativa para 2021 é de continuar crescendo, nessa velocidade".

Studart analisa que o comportamento dos consumidores mudou na pandemia: as pessoas passaram a valorizar produtos mais saudáveis. "Esperamos que as pessoas se preocupem com o que consomem, optem por marcas que ofereçam opções mais saudáveis,  e que proporcionem  uma conexão emocional. A pandemia também exige que tenhamos estruturas mais enxutas e eficientes e a parceria com a Perfetto vai nos ajudar nisso", diz.

Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar