Defumação de carnes: conheça a técnica de origem ancestral

A defumação de carnes é um dos métodos de conservação mais antigos, aprimorado para fornecer aroma, sabor e aparência às carnes. Saiba mais sobre essa técnica e a ciência por trás dela.

Através dos tempos

Instalações de defumação foram descobertas em uma colônia da Idade da Pedra. Ao longo dos anos, os métodos foram aprimorados para atender às necessidades das pessoas.

Métodos de defumação

1) Defumação a quente: ocorre a produção de fumaça através da queima lenta da serragem sem a produção de chama. Esse método expõe a serragem a uma fonte de calor seco.

2) Defumação por vapor

Neste método, a fumaça é produzida pela passagem de vapor superaquecido sobre uma fina passagem de serragem, induzindo a pirrólise.

3) Defumação por fumaça líquida

O processo envolve a queima de madeira para produzir fumaça, que é condensada em um líquido. Este líquido pode ser aplicado diretamente nas carnes ou em marinadas.

Mais que uma arte

Atualmente, é possível contar com a tecnologia para produzir produtos cárneos defumados, mas ainda pode-se considerar o processo de defumação tanto como uma arte quanto uma ciência.

Leia mais agora!

Pratos com sorvete: dicas de integração do produto ao cardápio

Read Next